Pages

Subscribe:

About

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Após ataque de Levy, Tiririca defende homossexuais

As opiniões do candidato à Presidência Levy Fidelix (PRTB) sobre os homossexuais deixaram muitos internautas revoltados neste domingo (29). Mas um posicionamento específico – e, de certa forma, inesperado, chamou a atenção. O palhaço Tiririca, que disputa a reeleição para deputado federal em São Paulo, utilizou o seu perfil no Twitter para criticar a posição de Levy. “Dizem que sou burro mais pelo menos não falo bobagem que nem certos candidatos... sou a favor do amor e cada um deve viver feliz!!!”, disse em um dos tweets. Ele ainda citou a frase da banda Mamonas Assassinas "abra a sua mente, gay também é gente, que foi utilizada recentemente contra o pastor Silas Malafaia, e rebateu os que reclamavam de seu erros de português. “E para os professor do Twitter.. penso como patativa do asare.. e melhor escrever errado a coisa certa do que escrever certo a coisa errada”, concluiu. O candidato do PRTB chegou ao topo dos trending topics (assuntos mais comentados) do microblog com a hashtag “#LevyVocêÉNojento” após dizer que “aparelho excretor não reproduz” e atrelar a homossexualidade a casos de pedofilia. “Não tenha medo de dizer que sou pai, uma mãe, vovô, e o mais importante, é que esses que têm esses problemas realmente sejam atendidos no plano psicológico e afetivo, mas bem longe da gente, bem longe mesmo porque aqui não dá”, afirmou. Os únicos postulantes ao Palácio do Planalto que se posicionaram sobre o comentário homofóbico foram Luciana Genro (PSOL) e Eduardo Jorge (PV), que também condenaram a postura do concorrente.
(click na imagem para ampliar)

0 comentários:

Postar um comentário