Pages

Subscribe:

About

sexta-feira, 3 de março de 2017

Ely Aguiar preocupado com o descrédito na classe política

O deputado Ely Aguiar (PSDC) afirmou, nesta sexta-feira (03/03), no primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, que há descrédito da população na classe política. Segundo ele, as denúncias que têm ocorrido diariamente acabaram deixando as pessoas incrédulas. "Temos preocupação com o caminho sinuoso que este País está tomando, diariamente surgem novos escândalos e denúncias por parte dos delatores", ressaltou.
O parlamentar citou a recente delação do empresário Marcelo Odebrecht, envolvendo a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), o presidente da República Michel Temer (PMDB) e Aécio Neves (PSDB). deputado chamou atenção ainda para a responsabilidade do eleitorado durante o processo eleitoral. Na avaliação dele, o voto pode ser decisivo e, em consequência, influir diretamente na qualidade de vida nos próximos anos. "O eleitorado também tem uma parcela de culpa, porque ele tem que procurar qualificar melhor aquelas pessoas que vão lhe representar", disse. 
Ele aconselhou a população a estar atenta para assuntos relevantes que são votados na Assembleia Legislativa do Ceará. "São temas que repercutem na vida das pessoas", avaliou. Ely Aguiar afirmou que há um coro da população, endossada pela mídia, em acabar com o foro privilegiado. "Como se isso fosse resolver". O que resolve é dar celeridade aos processos e que a Justiça seja igual para todos.
Em aparte, deputado Fernando Hugo Colares (PP) assinalou que a esculhambaria reinante em termos políticos se dá pela inoperância da Justiça em punir, principalmente. E reforçou a tese de que o eleitorado tem culpa na escolha dos políticos. "O eleitorado brasileiro é mais corrupto, tornou-se delinquente", acrescentou.
O deputado Roberto Mesquita (PSD) destacou a necessidade de uma assepsia por parte da população. "O povo precisa escolher melhor na hora de votar", reforçou, salientando a importância do investimento em educação.
Fonte: Site da Assembleia Legislativa do Ceará

0 comentários:

Postar um comentário