Pages

Subscribe:

About

quarta-feira, 29 de março de 2017

Em 24 horas, sete pessoas são executadas sumariamente por ordem do tráfico

Sete pessoas foram executadas sumariamente nas últimas 24 horas em homicídios misteriosos no Interior do estado e na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). A Polícia suspeita que os crimes tenham ligação com o tráfico de drogas. Em um deles, três pessoas acabaram fuziladas dentro de uma residência. Eram mãe, filho e um amigo da família.
O triplo homicídio ocorreu na tarde desta terça-feira no Município de Quixeré, na Região do Vale do Jaguaribe (a 218Km da Capital). Conforme apurou a Polícia, bandidos armados invadiram a residência localizada na Rua João Alves Carneiro, bairro Matadouro, na periferia daquela cidade e mataram as três pessoas, com tiros de pistola e de escopetas.
As vítimas foram identificadas pela Polícia como, a dona de casa Jardelisa Guimarães de Oliveira, 60 anos, conhecida por “Mocinha”, natural de Pedra Branca; o filho dela, Raimundo Edivandro Guimarães Silva, 23 anos, conhecido por “Paizinho”, natural de Limoeiro do Norte; e o amigo da família, Carlos Ramon Lima Oliveira, 24 anos, natural de Quixeré.
No local do triplo assassinato, as autoridades encontraram cápsulas de pistolas e balotes de escopeta calibre 12. Os vizinhos não quiseram falar, temendo represálias dos criminosos. Os corpos foram encaminhados o Núcleo da Perícia Forense (Pefoce) de Quixeramobim.
Mais execuções
Em Pacatuba, na RMF, dois jovens foram executados a tiros na madrugada da terça-feira (28). O crime ocorreu no interior de uma residência na Rua 86 do Conjunto Jereissati II. Conforme o relato de vizinhos, era por volta de 4h30, quando foram ouvidos muitos tiros no interior da casa invadida pelos criminosos. No local, foram assassinados os irmãos Ronaldo e Romário Alves Batista.
No bairro Passaré, na zona Sul de Fortaleza, o corpo de um jovem foi encontrado crivado de balas em um matagal, na manhã de ontem. A Polícia suspeita que o crime tenha ligação com outras três execuções sumárias ocorridas no mesmo bairro no fim de semana passado.
Na cidade do Crato, na Região do Cariri (a 540Km de Fortaleza), um jovem identificado como Antônio Eduardo de Souza, 25 anos, ex-presidiário, foi morto com cerca de 14 tiros. O crime ocorreu por volta de 22 horas de ontem, em pleno Centro da cidade. O rapaz ainda tentou fugir dos assassinos e pulou nas águas do Rio Granjeiro, próximo à sede da Prefeitura, de onde foi retirado por populares, colocado numa viatura da PM e levado para o hospital, mas não resistiu.
Fonte: Blog do Jornalista Fernando Ribeiro

0 comentários:

Postar um comentário