Pages

Subscribe:

About

terça-feira, 4 de abril de 2017

Ceará tem quase 500 mil desempregados

Resultado de imagem para desempregadosA quantidade de pessoas sem trabalho dobrou nos últimos três anos
Uma fila que não para de crescer. De 2014 para 2016 o percentual de desempregados no Ceará passou de 6,6% para 12,4% da população. Em números absolutos a quantidade de desempregados praticamente dobrou, psoou de 246 mil para 486 mil pessoas. 
No Sine, praticamente todos que aguardam atendimento temem permanecer muito tempo de braços cruzados devido à falta de oportunidade no mercado de trabalho. 
De um lado uma grande massa de desempregados, do outro uma lei que flexibiliza e favorece a terceirização. Essa combinação é temida pelo Ministério Público do Trabalho que se preocupa com a possível precarização da mão de obra no país. 
“A gente sabe que os terceirizados possuem menos qualificação, maior carga horária de trabalho e sofrem mais acidentes de trabalho. Esses trabalhadores futuramente vão bater na nossa porta para resolver problemas trabalhistas devido essa relação precária”, afirma Francisco José Parante Vasconcelos, que é procurador do trabalho.
Ele explica que o resultado das mudanças propostas pelo Governo Federal provavelmente irão esbarrar no Ministério Público do Trabalho. 
A notícia boa fica por conta dos dados econômicos que apontam para uma redução no ritmo de queda do Brasil. “Acompanhando trimestre a trimestre a gente percebe que a economia parou de encolher. Ainda vai demorar um pouco para refletir no mercado de trabalho mas já é um bom começo”, explica Mardônio de Oliveira.

0 comentários:

Postar um comentário