Pages

Subscribe:

About

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Delegados querem adiar aposentadoria para atuar na crise

Categoria defende que medida não geraria nenhum custo adicional aos cofres públicos

Cerca de 400 policiais, dentre eles delegados da Polícia Civil cearense, em processo de aposentadoria, se colocaram à disposição do Estado para enfrentarem onda de ataques que ocorre desde a primeira semana do ano. A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará (Adepol/CE) protocolará um ofício, no Palácio da Abolição, a fim de formalizar a vontade das autoridades em retomar os postos nas atividades de investigação à cargo da Polícia Judiciária.

Delegados participaram de reunião na Adepol. 
Alguns delegados estiveram reunidos na sede da Adepol, onde se prontificaram a retornar às atividades investigativas até que a paz seja restabelecida no Ceará.  Na ocasião dos debates, ficou evidenciado que não obstante o reforço das forças federais e policiais militares de outros estados para intensificar o policiamento ostensivo, há uma necessidade premente de se viabilizar um incremento nos serviços de investigação tanto enquanto perdurarem os ataques, quanto no momento posterior, de modo a que todos os infratores sejam devida e eficazmente responsabilizados criminalmente em face dos delitos praticados. 

De acordo com a Adepol, caso a providência seja acatada pelo Estado, não gerará nenhum tipo de ônus, uma vez que os servidores já recebem mensal e integralmente seus salários, mesmo estando afastados aguardando o trâmite dos processos de aposentadoria serem finalizados.

A Associação ainda afirma que a medida equivale a um concurso público, sem gastos para o erário, ou seja, o estado incorporaria uma força de trabalho de cerca de 400 policiais, sem a necessidade de desembolsar nenhum recurso adicional.

CNews

Polícia prende homem suspeito de roubar usuários da UPA


Três vítimas e um segurança que estavam na UPA no momento do roubo reconheceram o suspeito
Um homem identificado como Ivanildo Lima da Costa filho, de 18 anos foi capturado na tarde de hoje (16), acusado de ter participado da ação criminosa na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Jangurussu, ontem (14).

A mãe do acusado foi para a porta da delegacia defender o filho que até há um ano atrás era trabalhador e disciplinado, mas que passou a usar drogas e pela segunda vez é suspeito de se envolver com o crime.

Na primeira vez que foi preso, Ivanildo estava dirigindo um carro roubado e agora acusado de roubar os pacientes da UPA. Mesmo com a mãe defendendo o filho, a polícia afirma que Ivanildo Lima é um dos assaltantes da UPA.

Imagens filmadas pelo circuito interno e as testemunhas que compareceram ao 30° DP deixam o acusado sem saída.

Três vítimas e um segurança que estavam na UPA no momento do roubo reconheceram Ivanildo. De acordo com as investigações, o suspeito teria ido ao local para roubar armas dos vigilantes, mas os funcionários estavam desarmados. O único celular roubado na ação criminosa foi recuperado e apresentado na delegacia. A equipe policial obteve mais informações sobre o segundo participante do crime e já conseguiu identificar o mesmo. O 30º DP segue com diligências.

CNews

Bíblias resistem a ataques no Ceará e aumentam a fé da população de que dias melhores virão

Bíblias ficam intactas após incêndio em ataques terroristas (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)Em meio ao caos dos últimos dias, parte da população se apega à fé em busca de proteção
O ano de 2019 mal começou, e Fortaleza, que deveria apresentar um sinal de paz, vive uma verdadeira guerra.

Vários dias de ataques, danos ao patrimônio público… E o desejo do fortalezense é que essa realidade mude o mais rápido possível.

No meio desse cenário de guerra, um símbolo sagrado chama atenção e sugere outro caminho que a cidade deveria viver.

Um ataque criminoso a um caminhão da Enel em Fortaleza chamou atenção por deixar uma bíblia intacta dentro do veículo apesar das chamas. O caso, que foi registrado por Dorian Girao, repórter cinematográfico da TV Jangadeiro/SBT, aconteceu na sexta-feira(4), na Via Expressa, próximo à Avenida Abolição.

Segundo testemunhas, o caminhão da empresa foi abordado por bandidos, eles atearam fogo no veículo que ficou destruído. “Todos os pertences foram destruídos pelas chamas, o único que ficou intacto foi a bíblia sagrada. Nem o marcador de página foi danificado”, fala Dorian Girão.

Na penúltima semana, a equipe de reportagem da TV Jangadeiro foi até a residência da Dona Rosângela, no bairro Parque Santa Rosa. Depois de um ataque a um ônibus parado, as chamas atingiram a residência dela, e apenas uma bíblia sagrada sobrou de um móvel após o incêndio. Para a dona da casa, o fato foi uma proteção divina.

Por TV Jangadeiro

Deputado Robério Monteiro ignora onda de violência no estado e não comparece a sessão que aprovou medidas contra o crime

Resultado de imagem para robério monteiroOs maiores veículos de comunicação do estado do Ceará, repercutiram esta semana, a ausência dos deputados que não compareceram à Sessão Extraordinária no último sábado (12), na Assembléia Legislativa que tinha como finalidade, discutir e votar em caráter de urgência, o pacote de medidas contra as facções no Estado do Ceará.

Alheio ao momento crítico e da maior onda de violência da história do Ceará, o deputado Robério Monteiro, teve sua ausência registrada no painel da casa, demonstrando assim, a falta de compromisso com o estado e com povo que o elegeu para defendê-lo nos ++momentos mais difíceis como o que acontece no momento. 

Robério Monteiro, age como se nada de ruim e tão maléfico. como esta onda de violência, estivesse acontecendo no estado, ignorando a agonia e o sofrimento do povo.
Resultado de imagem para robério monteiro, ismael, dr zenilson e romeu
Lembrando que Robério Monteiro, foi eleito deputado estadual com a ajuda de votos da população de Camocim, e mesmo nunca conseguindo nada para a população do município, durante seus quatro anos de mandato, no ano passado, como premiação, recebeu apoio dos vereadores do município como; Ismael Pinheiro, o Dr Ismael, Oliveira da Pesqueira, Júlio Cesar Sotero, Juliano Cruz, além dos suplentes Jones Costa, Oliete, Nazaré e dos ex-vereadores Bolinha e Raimundo do Dão, entre outros como o presidente do DEM em Camocim, Dr Zenilson Coelho e parte da família, como o seu pai, o ex-prefeito e ex-vice prefeito do município, Edilson Coelho e do ex-vereador Diego Coelho, que caíram em campo em busca de votos para eleger Robério, deputado estadual.
Resultado de imagem para robério monteiro
Sem esquecer que Romeu Arruda, que também nunca contribuiu em nada com o município de Camocim, há não ser, tentar causar discórdia entre alguns munícipes, dedicou apoio a Robério, com uma tal "dobradinha" que uma hora era oficial e outra hora não era mais. Tal indefinição da dobradinha, causou inclusive intrigas entre seus apoiadores que queriam Zé Airton e não Robério. Os embates, a maioria deles, foram registrados nos grupos de Whatsapp.
Resultado de imagem para Romeu e zé airton
Fotos: Google

Governo Federal vai gastar R$ 4,5 mi com adesivos e mouse pads

Resultado de imagem para foto oficial de bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) vai gastar R$ 4,5 milhões para a confecção de materiais impressos para a Presidência da República em 2019.

Segundo a colunista da Folha de São Paulo Mônica Bergamo, dois editais foram publicados no site da Secretaria da Presidência. As empresas que vencerem as licitações terão que fazer, por exemplo, 70 mil adesivos com a imagem do brasão nacional e outros 70 mil com a bandeira do Brasil. Esses lotes custarão R$ 7.000 cada.

Também estão previstos 900 “mouse pads” que vão custar R$10.990, 5.950 blocos de anotação com 50 páginas cada por R$ 42 mil e 3.000 agendas personalizadas no valor de R$ 135 mil.

Ministro de Bolsonaro, compara risco de arma em casa a liquidificador

Resultado de imagem para onix e bolsonaro
O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, comparou nesta terça-feira, 17, o risco a uma criança de ter arma em casa com o risco de se machucar com um liquidificador. Também disse que evitar acidentes é "questão de educação, questão de orientação." O pronunciamento de Onyx Lorenzoni foi feito após o presidente Jair Bolsonaro assinar nesta terça decreto que facilita a posse de arma no Brasil.

A medida assinada por Bolsonaro torna possível adquirir até quatro armas, amplia o prazo de validade do registro de cinco para dez anos e, na prática, dispensa o cidadão de comprovar que tenha a “efetiva necessidade” de possuir armamento, o que era previsto pela legislação anterior (clique AQUI  e entenda aqui o que muda na prática).

"Criei quatro filhos com arma dentro de casa e meus filhos nunca foram lá porque eu ensinei para eles o que ela significava. A gente às vezes vê criança pequena botar o dedo dentro do liquidificador, ligar e perde o dedinho. Aí vamos proibir o liquidificador? Não", disse Onyx. Ao explicar sobre a necessidade de o cidadão declarar se tem cofre ou local seguro para guardar a arma, o ministro disse que "quem tem criança, adolescente, pessoa com deficiência de ordem mental (em casa) tem de ter cuidado redobrado".

Com Estadão 

Bandidos fazem arrastão em UPA, ordenam fechamento e ameaçam incendiar prédio

upaCaso ocorreu na noite desta terça-feira, no bairro São Cristóvão, em Fortaleza. Objetos de pacientes e funcionários foram levados
A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro São Cristóvão, em Fortaleza, foi invadida por dois homens armados, com um terceiro na esquina, que fizeram um arrastão e ameaçaram tocar fogo no local, caso o atendimento continuasse.

Os criminosos buscavam inicialmente a arma do segurança do local. Os objetos de funcionários e pacientes foram levados.

A Polícia Militar esteve no local em diligências, mas ninguém foi preso. Foi mais um caso na onda de ataques criminosos no Ceará, que já soma 14 dias seguidos.
Upa fechada 1
A unidade de saúde, que fica na Avenida Contorno Sul, foi alvo do trio que pretendia, inicialmente, a arma do vigilante. No entanto, o funcionário trabalha sem uso de revólver. Dois deles renderam o funcionário e entraram pela porta principal da unidade de saúde, chegando ao local de espera para atendimento. Um terceiro deu suporte, esperando em uma moto, na esquina da Avenida Castelo de Castro.

Armada, a dupla fez um arrastão no local e levou objetos de pacientes e funcionários. Antes de fugir, eles ameaçaram, dizendo que voltariam para efetuar disparos e atear fogo na UPA caso o local continuasse o atendimento. Com medo das ameaças, a unidade de saúde foi fechada. Na fuga, ainda roubaram uma pessoa que estava do lado de fora, esperando outra que estava sendo atendida.

Um menor suspeito de participar da ação foi preso, mas não foi reconhecido por nenhuma das vítimas. Ele foi encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente. Os bandidos ainda não foram identificados e presos. A Polícia Militar esteve no local.

Ataques
Até as 9h desta quarta-feira (16), o Sistema Jangadeiro contabiliza 226 ataques em 52 dos 184 municípios do estado, sendo 107 em Fortaleza, a cidade que concentra a maior parte das ações criminosas, em 14 dias seguidos de terror. Até o momento, 375 pessoas foram presas por serem suspeitas de participar de ataques criminosos no Ceará.

Recompensa
A Lei da Recompensa, instituída pelo Governo do Ceará, pagará até R$ 30 mil por informações que ajudem a elucidar crimes e a localizar criminosos. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), sancionou a lei nesta segunda-feira (14). O valor de partida é R$ 1 mil.

TV Jangadeiro

Aumenta para 375 número de presos por ataques no Ceará

O balanço corresponde às capturas até as 17 horas desta terça-feira (15)
Aumentou para a 375 o número de pessoas presas ou apreendidas por participação nos atos criminosos registrados no Ceará. O balanço corresponde às capturas até as 17 horas desta terça-feira (15). As prisões e apreensões registradas na Capital, Região Metropolitana e Interior são oriundas de ações das forças de segurança cearenses e entidades parceiras, que atuam incessantemente para garantir tranquilidade a todos os cidadãos cearenses e a normalidade no funcionamento dos serviços públicos.

Equipes de diversas unidades da Polícia Civil permanecem em diligências, com investigações concentradas na Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco). Já o policiamento ostensivo permanece reforçado em locais estratégicos e dentro dos coletivos de Fortaleza e Região Metropolitana, a partir de operações da SSPDS e a Polícia Militar do Ceará (PMCE). Helicópteros da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS dão apoio às ações.

Entre as medidas adotadas está ainda o acompanhamento de veículos de concessionárias de energia, que são escoltados por composições da PM, tanto para a reposição de lâmpadas danificadas, quanto para a manutenção de serviços elétricos. Viaturas também foram empregadas para acompanhar caminhões caçambas pertencentes às regionais da Prefeitura de Fortaleza e também os veículos de coleta de lixo. Outra ação das forças de segurança é o reforço de policiais militares em postos de saúde e hospitais, garantindo que a população possa utilizar os serviços públicos normalmente.

CNews

Vítima morta pelo ex-companheiro tinha sido chantageada

Suspeito invadiu loja de shopping e matou a mulher com arma roubada de delegacia
Lidiane Gomes da Silva (22), assassinada nesta terça-feira (15), foi chantageada anteriormente pelo ex-companheiro, Alighiery Silva de Oliveira (25), autor do assassinato da vendedora. O crime aconteceu dentro da loja de um shopping em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza. 

Conforme diálogo da vítima com um amigo em um aplicativo de mensagens instantâneas, Lidiane terminou o relacionamento após uma conversa. "Ele falou um monte, fez chantagem me ameaçou", disse a vítima. "Mas hoje ele está mais conformado", completou. Ainda segundo a mulher, Alighiery telefonou algumas vezes após o episódio, mas ela não atendeu. 

"Eu disse que se ele não parasse, faria um Boletim de Ocorrência contra ele", contou ao amigo. "Ele se acostuma", disse a vítima. O amigo da vendedora ainda a alertou sobre o perigo da situação. "Eu já vi muitas histórias assim não acabarem bem", comentou. Lidiane citou que Alighiery tinha uma filha de dois anos e estava voltando com a ex-mulher. "Isso me alivia muito", desabafou. 

Alighiery era funcionário terceirizado no 24º Distrito Policial e roubou uma arma na unidade para cometer o crime, segundo informações da Polícia Civil. 
Trecho da conversa da vítima com um amigo. (Foto: Reprodução)
Em nota, o North Shopping Maracanaú informou que tomou conhecimento do ocorrido em uma das lojas e isolou a área próxima ao incidente. "O shopping afirma ainda que acionou o mais rápido possível as autoridades competentes e que segue prestando todo o suporte necessário para o esclarecimento dos fatos. O estabelecimento transmite sua solidariedade aos familiares dos envolvidos e reforça que seguirá prestando todo o suporte necessário aos entes das vítimas. O North Shopping Maracanaú reitera que funciona normalmente", disse o comunicado.
CNews

Fones da Polícia receberam cerca de 310 denúncias por dia durante onda de terror

Secretaria de Segurança Pública disponibiliza canais para denúncias (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)Através de canais disponibilizados pela Secretária de Segurança, a população pode ajudar com informações que levem à prisão de criminosos
Os órgãos de segurança pública disponibilizaram dois canais de denúncias para que a população possa ajudar com informações que levem à prisão de criminosos, durante a onda de terror que atinge o Ceará.

O número 181 do Disque Denúncia da Secretaria de Segurança Pública funciona 24 horas. Já a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) possui um número de Whatsapp para receber informações: o (85) 98969-0182.

No ano passado, um dos acusados de envolvimento na chacina das Cajazeiras foi preso após uma denúncia ser repassada aos órgãos de segurança. O acusado estava foragido havia quase seis meses.

Entre os dias 2 e 13 de janeiro, mais de 3.500 denúncias foram feitas pelo telefone 181. Somadas às enviadas também para o Whatsapp da Draco, os dois canais receberam uma média de 310 denúncias por dia.

Para o delegado da Polícia Civil Marcus Rattaso, com a Lei da Recompensa, sancionada pelo governo neste domingo (13), que prevê pagamento em dinheiro a quem der informações para desarticular o crime organizado, o número de denúncias tende a aumentar.

Com TV Jangadeiro

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Em 24 horas, cinco bandidos morrem em confronto com policiais no Ceará

Ipu mortes 1Dois criminosos morreram numa troca de tiros com a Polícia na cidade de Ipu
Ao menos, cinco bandidos foram mortos, nas últimas 24 horas, durante confrontos com a Polícia na Capital e no interior do estado. O reforço nas operações de segurança fez também aumentar consideravelmente o número de prisões de suspeitos de ataques criminosos. Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), já são 360 detenções, a maioria, em flagrante delito.

Na cidade de Ipu, na Serra da Ibiapaba (a 298Km de Fortaleza), dois bandidos foram mortos numa troca de tiros com policiais militares na tarde desta segunda-feira (14). Uma operação que envolveu um forte aparato policial, formado por policiais civis e militares, terminou em confronto com bandidos que estavam escondidos no bairro Grotas. Na troca de tiros, morreram o traficante foragido da Justiça, Francisco Fabiano Rodrigues de Souza, 30 anos; e seu sobrinho, Bryan Rodriguies de Sousa Paz, 17 anos. Os corpos foram levados para o Núcleo da Perícia Forense de Sobral. Armas foram apreendidas com os suspeitos.

Em Morada Nova (a 163Km de Fortaleza), um bandido morreu numa troca de tiros com policiais do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) por volta de 21 horas desta segunda-feira. As equipes do BPRaio receberam denúncias de um bandido armado circulando pelo bairro Pedra e Cal. Ao chegar no local indicado na informação, a patrulha foi recebida a tiros e revidou baleando o suspeito. Ele foi socorrido para o Hospital Municipal do Município, mas não resistiu.

Em Aracati, no litoral Leste do estado (a 149Km da Capital), denúncias de tráfico de drogas levaram policiais militares ao Distrito de Outeiro, onde estaria escondido o bandido que atirou na cabeça de um taxista, na última sexta-feira, durante um assalto. Os policiais foram recebidos a tiros e reagiram, baleando o assaltante identificado como Daniel Silva Braga, 23 anos. Ele foi levado para o Hospital Regional, onde faleceu na Emergência.

Em Fortaleza, um bandido foi baleado e morto em um confronto com policiais militares após tentar praticar mais um ataque criminoso, quando tentava incendiar um posto de combustíveis. A troca de tiros ocorreu na Avenida Urucutuba, no bairro Bom Jardim. O suspeito foi socorrido, mas não resistiu.

Por Fernando Ribeiro

Homem invade loja no shopping em Maracanaú, mata vendedora e pratica o suicídio com arma da Polícia


Resultado de imagem para Homem invade loja no shopping em Maracanaú, mata vendedora e pratica o suicídio com arma da Polícia
 Alighiery Oliveira                                              Lidiana Gomes      
Um crime passional foi registrado na manhã desta terça-feira (15) dentro de uma loja de artigos de presentes e variedades em um shopping da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Um homem armado invadiu a loja e matou sua ex-companheira e, logo em seguida, tirou a própria vida. Os tiros disparados no local fizeram muitas pessoas acreditarem em um atentado diante da onda de ataques criminosos que é registrado no Ceará há 14 dias.
Resultado de imagem para Homem invade loja no shopping em Maracanaú, mata vendedora e pratica o suicídio com arma da Polícia
Ao lado dos corpos ficou a pistola da Polícia Civil usada pelo atirador 
As primeiras informações davam conta de que o atirador havia assassinado duas vendedoras da loja “DMobile”. No entanto, com a presença de seguranças do shopping e a chegada da Polícia no local foi comprovado o caso de homicídio seguido de suicídio. Os corpos estavam um ao lado do outro e próximo ao cadáver do atirar a arma que ele utilizou para o crime: uma pistola de calibre Ponto 40. A arma pertence à Polícia Civil.
Passional 4
As cenas de violência aconteceram nesta loja, no fim da manhã desta terça-feira, em Maracanaú
O homem que matou a mulher foi identificado como Alighiery Oliveira, ele era funcionário de uma empresa prestadora de serviços à Polícia Civil e trabalhava como agente administrativo terceirizado na delegacia do 24º DP (Maracanaú). A mulher assassinada foi identificada como sendo a vendedora Lidiana Gomes.

Arma da Polícia

A Polícia não informou se o casal já estava separado ou se vinha envolvido em desentendimentos. No entanto, pelas redes sociais, amigos do casal chegaram a falar em traição.
Passional 1
Os corpos permaneceram no interior da loja, que foi isolada pelos seguranças do shopping até a chegada da Polícia, que mobilizou a Perícia Forense (Pefoce). A arma seria de uso de um policial da delegacia onde o atirador prestava serviços. Os corpos foram recolhidos do local após a presença da Perícia e de uma equipe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), além de policiais do próprio 24º DP, onde Alighiery era lotado.

Com Blog do Fernando Ribeiro

Consumidores podem denunciar falta de energia ao Decon

Problemas com a queima de aparelhos eletrônicos deverão ser solucionados pela Enel Distribuição Ceará
O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon), disponibilizou um contato para denúncias sobre constatarem irregularidade no fornecimento de energia elétrica como consequência da onda de ataques criminosos que atinge o Estado. 

Segundo a secretária-executiva do Decon, promotora de Justiça Ann Celly Sampaio, o fornecimento de energia elétrica é considerado um serviço essencial pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC) e deve ser prestado de forma contínua, adequada, eficiente e segura, notadamente porque a interrupção dele invariavelmente ocasiona incalculáveis transtornos à população. Acrescenta a secretária-executiva que, se o consumidor teve problemas com a queima de aparelhos eletrônicos, pode recorrer à própria concessionária de energia elétrica. Caso não seja solucionado, deve procurar o Decon.
Conforme o Ministério Público, os ataques realizados por facções criminosas não justificam a interrupção do serviço e, portanto, a empresa concessionária é obrigada a restabelecer o fornecimento do serviço sob pena de ser instaurado procedimento administrativo e consequentemente serem aplicadas penalidades administrativas estabelecidas no artigo 18 do Decreto 2181/97.

Para denunciar
Clique AQUI ou ligue para (85) 3452-4505
As denúncias também podem ser feitas na sede do órgão: Rua Barão de Aratanha, 100, Centro 
CNews

Material escolar pode variar até 983%, aponta Procon

A mochila, de tamanho grande, pode variar até 983,33%, indo de R$ 18,00 à R$ 195,00
O Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza) divulgou, nesta segunda-feira (14), a pesquisa com preços de itens do material escolar. O levantamento foi realizado entre os dias 7 e 9, em oito livrarias e lojas do varejo, de Fortaleza. Dos 60 produtos pesquisados, a mochila, de tamanho grande, pode variar até 983,33%, indo de R$ 18,00 à R$ 195,00. O Procon alerta que as escolas não podem exigir a compra de itens considerados abusivos, de acordo com a lei federal nº 12.886/13.

Os preços de lápis, canetas e mochilas podem variar até dez vezes entre os estabelecimentos mais caros e os mais baratos. É o que revela a pesquisa do Procon Fortaleza. O Procon lembra que os valores podem variar, de acordo com especificação de marcas, tamanhos e modelos. Consulte todos os preços aqui.

Para a diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, pais e responsáveis pelas matrículas devem ficar atentos à lista de itens que não podem ser cobrados pelas escolas. "Identificando alguns dos itens considerados abusivos, os pais devem pedir a retirada imediata do produto da lista, sob pena da escola ser multada em até R$ 11 milhões", orientou a Diretora.

Denúncias podem ser realizadas, de forma anônima, pela central de atendimento ao consumidor 151; ou pelo aplicativo Procon Fortaleza.

CNews

Posse de arma é liberada por meio de decreto presidencial

Estou restaurando o que o povo quis em 2005”, disse Bolsonaro mencionando o referendo realizado há 14 anos
O presidente Jair Bolsonaro assinou hoje (15), durante cerimônia no Palácio do Planalto, o decreto que regulamenta o registro, a posse e a comercialização de armas de fogo no país, uma das principais promessas de campanha do presidente da República.

“Como o povo soberanamente decidiu, para lhes resguardar o legítimo direito à defesa, vou agora, como presidente, usar esta arma”, afirmou Bolsonaro, mostrando a caneta. “Estou restaurando o que o povo quis em 2005”, acrescentou Bolsonaro mencionando o referendo realizado há 14 anos.

O decreto refere-se exclusivamente à posse de armas. O porte de arma de fogo, ou seja, o direito de andar com a arma na rua ou no carro não foi incluído no texto. A assinatura do decreto ocorreu logo depois da reunião ministerial coordenada por Bolsonaro todas as terças-feiras, às 9h, no Planalto, desde que assumiu o poder em 1º de janeiro.

Agência Brasil

Chuva e ventania arrancam parte da coberta de policlínica em Quixadá

policlínicaParte da coberta foi arrancada pelos fortes ventos. Reparos devem iniciar ainda nesta terça-feira. Além de Quixadá, a policlínica atende pacientes de outras nove cidades da região
Após fortes ventos e chuva, parte da cobertura de alumínio do teto da Policlínica Francisco Carlos Cavalcante Roque cedeu. A unidade de saúde especializada, que foi inaugurada há cinco anos, fica em Quixadá, no Sertão Central.

Moradores registraram o momento em vídeo. O atendimento não foi interrompido e os reparos serão feitos ainda nesta terça-feira (15). A unidade faz parte do Programa de Expansão e Melhoria da Assistência Especializada em Saúde no Estado do Ceará, do Governo do Estado.

No vídeo, é possível observar parte do teto da policlínica ceder por causa do forte vento e da chuva. De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), o município registrou 71 milímetros de chuva até as 7h desta terça-feira (15).

Segundo o secretário executivo do consórcio que administra a policlínica, Neto Dias, o atendimento não foi prejudicado.

“O teto da policlínica tem duas faces. A face de baixo é de ferro, não sai. E tem uma em cima, que é de alumínio. Ali arrancou um pedaço da ponta, de cerca de três metros, e voou uns 50 metros. Graças a Deus não pegou em ninguém. Era a maior preocupação.  Isso também não chegou a descobrir a policlínica. E o engenheiro já esteve hoje, pela manhã, para vistoriar. E o atendimento não foi afetado. Ainda hoje a tarde vamos começar os reparos, fazer um reparo geral de todo o teto, uma preventiva. A gente já estava prevendo a reforma”, explicou Neto Dias.

A policlínica atende cerca de 400 pessoas por dia. Além dos moradores de Quixadá, a unidade também recebe pacientes dos municípios de Banabuiú, Choró, Ibaretama, Ibicuitinga, Milhã, Quixadá, Quixeramobim, Senador Pompeu e Solonópole. O serviço de atenção especializado oferece atendimento em áreas como cirurgia geral, gineco-obstetrícia, traumatologia, mastologia, cardiologia, ortopedia, oftalmologia, gastroenterologia, otorrinolaringologia, urologia, neurologia, entre outros.

Lei da Recompensa pagará até R$ 30 mil por informações de crimes, anuncia Camilo Santana

Camilo Santana assinou Lei da Recompensa para estimular denúncias da população. (Foto: Divulgação)
A Lei da Recompensa foi instituída pelo governador do Ceará em meio à maior crise na segurança pública da história do Estado
A Lei da Recompensa, instituída pelo Governo do Ceará, pagará até R$ 30 mil por informações que ajudem a elucidar crimes e a localizar criminosos. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), sancionou a lei nesta segunda-feira (14). O valor de partida é R$ 1 mil.

As informações prestadas devem levar à elucidação de crimes cometidos, à descoberta de fatos ou atos preparatórios ao cometimento de crimes, evitando a consumação do delito; à localização de pessoas procuradas por órgãos de segurança ou contra as quais exista ordem de prisão; e à identificação e localização de bens móveis ou imóveis pertencentes a membros de organizações criminosas.

O decreto assinado por Camilo institui também uma comissão que definirá cada caso de pagamento conforme regras estabelecidas. A comissão será formada por representantes da Secretaria da Segurança Pública, da Secretaria de Administração Penitenciária, da Procuradoria Geral do Estado, da Casa Civil e da Secretaria do Planejamento e Gestão.

O governador ressaltou que a prestação de informações e o pagamentos da recompensa serão feitos com “absoluto sigilo e anonimato dos denunciantes”.
Onda de terror
A Lei da Recompensa foi instituída pelo governador do Ceará em meio à maior crise na segurança pública na história do Estado. Nesta segunda-feira (14), o Ceará chegou ao 13º dia seguido de onda de terror, ainda que com número inferior de ataques.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), uma tentativa de atear fogo a um posto de combustível, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza, foi registrada na madrugada. Além disso, o prédio da Câmara Municipal de Tururu, a 112 km da capital, foi alvo de tiros.

Ao todo, 218 atentados foram registrados em Fortaleza e em mais 49 cidades cearenses, em 13 dias de terror. Até o momento, 358 pessoas foram presas, até as 9h desta segunda-feira.

Tribuna do Ceará

MP realiza inspeção em presídios cearenses e afirma que situação está “tranquila”

cpplDe acordo com os membros do Ministério Público, nenhuma irregularidade foi encontrada. Televisores e ventiladores em excesso foram retirados das celas e colocados em um pátio. Todos os presos vestiam uniformes
Membros do Ministério Público do Ceará, por meio do Núcleo de Investigação Criminal (Nuinc) e da Promotoria de Justiça de Corregedoria de Presídios e Penas Alternativas, realizaram vistorias na CPPL 1 (Unidade Prisional Agente Luciano Andrade Lima) e na CPPL 3 (Casa de Privação Provisória de Liberdade Prof. José Jucá Neto).

As duas unidades ficam na cidade de Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza, e estão sob intervenção desde o início da onda de ataques no Ceará. As ações criminosas tiveram início no dia 2 de janeiro e completaram 13 dias na segunda-feira (14). Nesta terça-feira não houve registros de atentados no estado.

Segundo promotores de Justiça, a situação nas unidades está “tranquila”. As inspeções foram realizadas na última quinta-feira (10).

O intuito da fiscalização foi de constatar se os protocolos foram seguidos na gestão dos prisioneiros. De acordo com os promotores de Justiça, a situação nas duas unidades está “tranquila”, assim como o acesso à água, alimentação, higiene, vestuário e atendimento médico e odontológico. Em alguns espaços, no momento da vistoria, estava havendo manutenção, com pinturas, pequenas reformas e dedetização.

Todas as celas visitadas pelos membros do MPCE estavam limpas, e nenhuma reclamação de maus tratos foi expressada por parte dos presos. Alguns itens irregulares que haviam sido retirados das celas estavam nos pátios, como televisão, ventiladores em excesso (somente está permitido dois por cela), alimentos irregulares, lixo, panos e roupas. Todos os presos vestiam uniformes.

A comitiva do MPCE teve acesso a todos os presos de todos os pavilhões e nenhuma irregularidade foi encontrada no momento da inspeção, ou seja, os direitos das pessoas presas, assegurados pela Constituição Federal e pela Lei de Execução Penal (Lei n. 7.210, de 1984), estão sendo atendidos.

A gestão prisional informou aos membros do Ministério Público que serão feitas reformas na CPPL 1 para melhorar a circulação de ar nas celas e que está realizando remanejamento dos presos pra evitar superlotação, com a chegada da população carcerária de cadeias do interior do Estado. Segundo a Corregedoria de Presídios, as vistorias continuarão ocorrendo semanalmente nas unidades prisionais da Região Metropolitana de Fortaleza.

Com informações do site do MPCE.

Em Maracanaú, homem invade loja de shopping e mata ex-namorada a tiros

movimentacaoCaso ocorreu na manhã desta terça-feira. A vítima tinha 22 anos e era funcionária do shopping em Maracanaú. A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa investiga o caso
Um homem invadiu um shopping em Maracanaú, Grande Fortaleza, matou a ex-companheira e tirou a própria vida. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (15). Lidiane Gomes da Silva tinha 22 anos e era funcionária de uma das lojas do shopping.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o homem – identificado como Alighiery Silva de Oliveira, de 25 anos – teria se dirigido até o local de trabalho da ex-namorada, onde praticou o crime.

De acordo com testemunhas, após uma discussão, o homem teria disparado quatro tiros na vítima. O atirador que, em seguida tirou a própria vida, tinha acabado de se formar em Direito e seria funcionário terceirizado de uma delegacia.

No momento do crime, o shopping estava bastante movimentado. Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS),

Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foram acionados para o local e deram início aos primeiros levantamentos.

Tribuna do Ceará

Ceará tem primeira madrugada sem registro de ataques após onda de violência do crime organizado

fogoSegundo a Secretaria de Segurança Pública, 360 pessoas suspeitas de participarem dos ataques já foram presas. Os últimos ataques ocorreram ainda na noite de segunda-feira
O Ceará viveu a primeira madrugada sem registro de ataques criminosos desde o último dia 2 de janeiro. Os últimos casos ocorreram ainda na noite de segunda-feira (14): o incêndio de um ônibus no município de Guaiúba, na Região Metropolitana de Fortaleza, além de suspeitos que foram vistos tentando instalar um artefato explosivo em um túnel da capital.

Em Guaiúba, de acordo com as informações obtidas pela equipes policiais, quatro homens saíram de um matagal e pediram para o condutor descer. “Em seguida, eles atearam fogo no veículo. Ninguém ficou ferido durante a ação”, informa a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

A onda de terror começou após declaração do novo secretário de Administração Penitenciária, Luís Mauro Albuquerque, que prometeu mudanças severas na gestão dos presídios.

Ataques
Desde a noite do último dia 2 de janeiro, facções criminosas espalham uma onda terror por todo o Ceará, com ataques a ônibus e vans do transporte público, prédios e equipamentos públicos e privados.

Até as 19h desta segunda-feira (14), o Sistema Jangadeiro contabiliza 220 ataques em 51 dos 184 municípios do estado, sendo 101 em Fortaleza, a cidade que concentra a maior parte das ações criminosas, em 13 dias de terror.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), 360 pessoas foram presas nos ataques até as 9h desta segunda-feira, suspeitas de participação nas ações. O órgão não está informando a contabilização dos números de ataques.

Recompensa
A Lei da Recompensa, instituída pelo Governo do Ceará, pagará até R$ 30 mil por informações que ajudem a elucidar crimes e a localizar criminosos. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), sancionou a lei nesta segunda-feira (14). O valor de partida é R$ 1 mil.

Tribuna do Ceará

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Palco do show de Anitta desaba durante forte chuva na cidade do Crato

show-anitta
A apresentação foi interrompida na madrugada desta segunda-feira (14), após queda de parte da estrutura do palco
Após forte chuva, parte da estrutura do palco do show da cantora Anitta caiu, na cidade do Crato, a 508 km de Fortaleza, na madrugada desta segunda-feira (14). Por segurança, a apresentação realizada no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti foi interrompida. A artista usou as redes sociais para tranquilizar fãs e agradecer o público. Nenhuma vítima foi registrada.

Parte da estrutura da cobertura do palco cedeu enquanto a cantora ainda se apresentava. No vídeo, é possível observar a forte chuva e o momento em que a cantora interrompe o show.

“Gente, foi tudo mara. Tô voltando pra casa, estou dentro do avião. Gente, é que rolou uma tempestade muito, muito forte no meio do show… Então, deu problema numa parte do palco e, por segurança, a gente teve que interromper o show. Mas eu tô bem e tá todo mundo bem, tá? Não teve ninguém ferido e tá tudo certo. E vocês são mara! Povo de Cariri, já quero voltar! Beijo, vou pra casa”, disse a cantora nos Stories do Instagram, feitos do avião.

Aratuba registra chuva de granizo; Em Capistrano, caiu o muro do estádio municipal

chuva, muroDe 7h de domingo (13) às 7h de segunda-feira (14), choveu em 79 municípios do Ceará. Aratuba (63mm) registrou a maior precipitação
Fortaleza e outras 78 cidades do Ceará amanheceram sob chuva nesta segunda-feira (14). De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos do Ceará (Funceme), as maiores precipitações registradas foram em Aratuba (63mm), Mombaça (46.4mm) e Fortaleza (46mm). Os dados são das 7 horas da manhã de domingo até às 7 da manhã desta segunda.

Em Aratuba, moradores registraram granizo, e os fortes ventos e chuvas derrubaram telhados de algumas casas ainda no domingo. Em Capistrano, também no Maciço de Baturité, o muro do estádio municipal caiu.

Segundo o portal da Funceme, choveu em 120 dos 133 postos informados. Para esta segunda-feira, a previsão é de nebulosidade variável com eventos de chuva em todo o Estado. Ainda de acordo com a Funceme, o quadro deve se repetir também nesta terça-feira (15) e quarta-feira (16).

Confira as 10 maiores chuvas  nas últimas 24 horas.

Aratuba (Posto: Aratuba): 63 mm
Mombaça (Posto: Mombaça): 46.4 mm
Fortaleza (Posto: Água Fria): 46 mm
Morada Nova (Posto: Boa Água): 42 mm
Groaíras (Posto: Capim 1): 42 mm
Russas (Posto: Sítio Campo Limpo): 42 mm
Aracoiaba (Posto: Furnas): 36 mm
Senador Sá (Posto: Senador Sá): 35 mm
São Gonçalo do Amarante (Posto: Santo Amaro): 32.2 mm
Quixeramobim (Posto: Quixeramobim): 30 mm.

Tribuna do Ceará

Onda de terror no Ceará chega ao 13º dia, com menor número de ataques

A fachada da Câmara Municipal foi alvo de ataquesHouve dois registros desde a madrugada desta segunda-feira (14), em Fortaleza e em Tururu. Dos 218 ataques até aqui, foram 101 na capital cearense
O Ceará chega ao 13º dia seguido de onda de terror nesta segunda-feira (14), mas com número inferior de ataques. Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), uma tentativa de atear fogo a um posto de combustível, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza, foi registrada na madrugada. Além disso, o prédio da Câmara Municipal de Tururu, a 112 km da capital, foi alvo de ataque.

Ao todo, 218 atentados foram registrados em Fortaleza e em mais 49 cidades cearenses, em 13 dias de terror. Até o momento, 358 pessoas foram presas, até as 9h desta segunda-feira.

Segundo a SSPDS, um grupo de criminosos tentou atear fogo no posto de combustível, no bairro Bom Jardim. O crime foi frustado pela polícia durante patrulhamento pela região. A partir de informações enviadas para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), os agentes foram até o posto de combustível, na avenida Urucutuba, quando evitaram o ataque.

O grupo tinha a intenção de atear fogo no estabelecimento. Houve trocas de tiros e um suspeito foi baleado. Ele foi socorrido, mas faleceu na unidade de saúde. “Com ele, foi apreendida uma pistola calibre 380, municiada. A Polícia Militar mantém o patrulhamento reforçado na região”, informou a nota.

Além desse caso, o prédio da Câmara Municipal de Tururu teve sua fachada danificada devido a ataques de criminosos. O Tribuna do Ceará aguarda nota da SSPDS com mais informações sobre o caso. A ação teria ocorrido na madrugada desta segunda.

Até as 11h30 desta segunda-feira (14), o Sistema Jangadeiro contabiliza 218 ataques em 50 dos 184 municípios do estado, sendo 101 casos em Fortaleza, a cidade que concentra a maior parte das ações criminosas.

Por Daniel Rocha  - Tribuna do Ceará

Chega a 358 número de presos por ataques no Ceará

Em uma das mais recentes ações, bandidos jogaram uma bomba na ponte do Bairro Bonsucesso, em Fortaleza
O número de pessoas capturadas por envolvimento nos ataques criminosas no Ceará subiu para 358, entre presos e apreendidos, segundo o Governo do Estado.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que das 17 horas de ontem (13) até a manhã desta segunda-feira (14) mais foram cinco pessoas foram capturadas. As prisões e apreensões registradas na Capital, Região Metropolitana e Interior são oriundas de ações das forças de segurança cearenses, Força Nacional e entidades parceiras.

Este já é o 13º dia desta onda de violência, que começou em 2 de janeiro após o governo anunciar medidas para tornar mais rigorosa a fiscalização nos presídios.

Em uma das mais recentes ações criminosas, bandidos jogaram uma bomba na ponte localizada na Rua São João, no Bairro Bonsucesso, em Fortaleza, no último domingo (13). A Polícia Militar esteve no local e acionou o esquadrão antibombas. Nenhum suspeito foi capturado. Não houve danos na estrutura do local e tráfego na área já foi liberado

CNews

Em Fortaleza, base da Guarda Municipal é atacada com tiros

Ninguém foi preso e não houve feridos na ação
A base da Guarda Municipal, localizada na Avenida Juscelino Kubitscek, no Bairro Passaré, em Fortaleza, foi atacada com tiros na noite deste domingo (13).

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos passaram em frente ao local, atiraram e fugiram. Equipes da polícia realizaram buscas na região para encontrar os criminosos, mas ninguém foi preso. Não houve feridos.

Os tiros atingiram a fachada do prédio, onde funciona a inspetoria da Guarda Municipal e estão guardados os veículos da Guarda e da Autarquia Municipal de Trânsito (AMC). No local será construída a futura sede da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor).